Home / Camaçari / Estudantes de Camaçari concorrem ao Prêmio LED 2024 da Globo
Foto: Divulgação / Ascom / Prefeitura Municipal de Camaçari / Josué Silva/Jean Victor

Estudantes de Camaçari concorrem ao Prêmio LED 2024 da Globo

Espalhe por ai:

Com o Clube de Ciências Exatas e da Natureza (CCEN), três estudantes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) – Campus Camaçari estão concorrendo ao Prêmio LED 2024, que é parte do Movimento LED – Luz na Educação, uma iniciativa da Globo e da Fundação Roberto Marinho, que reconhece práticas inovadoras no setor.

O projeto é na categoria “Estudantes” e foi desenvolvido pelos jovens Lucas Barreto, 19 anos, presidente do clube; Eric Dener, 17 anos, vice-presidente; e Jady Santos, 19 anos, secretária-geral. Para que o trio de Camaçari vença, será aberta uma votação popular no programa Especial LED, que vai ao ar quinta-feira (11/4), após a exibição do Big Brother Brasil 2024 (BBB24), e seguirá até a manhã de segunda (15). A pessoa pode votar quantas vezes quiser através do site do Festival LED, disponível aqui.

Com muita felicidade, o prefeito Elinaldo Araújo já havia recebido os estudantes em seu gabinete, e fez um convite para que toda a população vote, para que o prêmio venha para Camaçari. “Eles são moradores do nosso município, alunos da nossa cidade. Peço que votem bastante para que o nosso município conquiste esse prêmio, e tenha essa iniciativa tão importante espalhada pelas nossas escolas, além de inspirar outros jovens”.

De acordo com o presidente do clube, Lucas Barreto, se o grupo conquistar o Prêmio LED, no valor de R$ 100 mil, um dos objetivos é expandir e tirar o clube do IFBA. “Porque é um lugar que os estudantes ainda participam muito de eventos de extensão. A gente quer que estudantes de Camaçari passem a fazer esse tipo de coisa, possam estudar química, física e astronomia fora da sala de aula e ter o interesse de construir ciência com as próprias mãos”, afirmou.

Ele explicou, ainda, que, “o diferencial do clube, e que foi muito elogiado quando fomos para Vitória da Conquista, é a estrutura dele. Porque o clube não é só um conjunto de pessoas, temos separado os setores de biologia, de química, de física, de matemática e de astronomia, cada setor tem um líder [coordenador] e tem seus próprios indivíduos. Isso separa as pessoas por área de interesse e acaba formando uma coesão maior. Essa estrutura nós gostaríamos de levar para outras escolas, como núcleos do clube. Incentivamos a ciência para pessoas que, muitas vezes, não tiveram contato e podem, um dia, sonhar em serem cientistas”, finalizou.

Não é a primeira vez que Camaçari participa do Prêmio LED, e a intenção de inscrever o clube surgiu com o projeto da professora Vitalina Silva, do Centro Educacional Maria Quitéria, com o Projeto de Educação Antirracista. Após verem uma palestra, quando foi aberta a inscrição, os estudantes se atentaram ao nome e viram que o projeto que desenvolviam atendia aos parâmetros.

Eles passaram por várias etapas. E, de mais de 3 mil projetos inscritos, foram selecionados 60, depois 15, que são os embaixadores e recebem monitorias sobre como melhorar o projeto. Nisso, só um projeto de cada categoria, que passou para a votação popular, no caso de Camaçari é o “Estudantes”, mas tem ainda “Educador” e “Empreendedor”.

O vencedor será anunciado no dia 15 de abril, durante o programa Mais Você, comandado por Ana Maria Braga, na emissora. A premiação será entregue durante a realização do Festival LED – Luz na Educação, que acontece na cidade do Rio de Janeiro (RJ), nos dias 21 e 22 de junho.

Sobre o Clube de Ciências Exatas e da Natureza (CCEN) – Com menos de dois anos de criação, o CCEN tem apoio do IFBA – Campus Camaçari, mas pertence aos estudantes e pretende se expandir para outras escolas de Camaçari e da Bahia. O clube nasce da intenção de alunos que queriam falar de ciências exatas e da natureza para se apoiar, dar ideias, criar projetos de pequena a grande escala, nas áreas de química, biologia, física, matemática e astronomia.

A secretária-geral Jady Santos, falou sobre o crescimento do clube. “Nasce com nove alunos, depois disso a gente começou a expandir aqui dentro [do Ifba]. Inclusive, recentemente, no dia 14 de março, a gente fez a 1ª Feira de Ciências Exatas e da Natureza, aberta ao público, de várias áreas da ciência, com o que a gente trabalha. Foi um evento muito grande e fez com que muitos alunos se interessassem e começassem a participar, e a se inscrever. Foi isso que transformou o clube de nove alunos, para 50”.

Os membros já participaram de diversos eventos, nacionais e até internacionais, com conquistas de medalhas. O clube estimula ainda o desenvolvimento de vários projetos pelos estudantes, como a pesquisa sobre a poluição em comunidades tradicionais em Camaçari feita por Eric Dener. Segundo ele, “tem previsão de fazer análise, amostra e verificar no campo”.

Com a pesquisa “Promovendo o interesse em astronomia e ciências espaciais: análise do impacto do setor de astronomia e ciências do Clube de Ciências Exatas e da Natureza do IFBA – Camaçari”, estudantes do grupo participaram da IX Jornada de Astronomia de Vitória da Conquista.

O estudo apontou números conquistados, conforme afirmou o presidente Lucas Barreto.  “Alguns anos, só o IFBA participou, com poucos alunos, e nós fizemos aqui um curso preparatório, tivemos 42 alunos. Foi um pulo de 400% de participação e tivemos alguns medalhistas e finalistas”. Ele ainda pontuou sobre a participação no evento deste ano com a pesquisa sobre a influência da Feira nos alunos.

link:https://somos.globo.com/movimento-led-luz-na-educacao/festival-led-luz-na-educacao/

Fonte: Ascom / Prefeitura Municipal de Camaçari

Espalhe por ai:

Sobre Jefferson Cleiton

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Cras Nova Vitória volta a funcionar na sede própria

Espalhe por ai: A Prefeitura de Camaçari, por meio da Secretaria do ...

Segue disponível a consulta pública eletrônica para elaboração do PL-LDO 2025

Espalhe por ai: Segue ativa a consulta pública eletrônica para que os ...